domingo, julho 24, 2011


Entre suspiros e palavras

5


 Não entendo essa mania enorme que a gente tem de esperar ouvir eu te amo pra dizer eu também.

Não é tão ruim assim, manter amor dentro de mim. Não é pecado, não tá errado, é só um fato, um dos mais bonitos fatos que se pode contar por aí: eu amo você.

Amo sim, amo assim, meio torto, meio errado, meio não correspondido, meio sem sentido. Mas coração não faz sentido mesmo, um dia você acorda pela manhã e bum! É amor. Sem café na cama, sem sussurro no ouvido, sem ligação no meio da madrugada, é amor do mesmo jeito, com, ou sem defeito.


E se for mesmo amor, ai não tem razão, não tem plano, não tem cabeça que supere, você tá preso e sem direito a condicional. É quando a gente se vê nesse mundo que não se sabe se é bonito ou feio, que esfria e aquece ao mesmo tempo, onde tudo parece bom, e também ruim demais, onde não se sabe se quer sair, ou entrar ainda mais.

E se o sujeito não for no plural tanto faz, o que importa é sentir, é viver, o que importa é assumir que o que se sente é pra valer.

5 comentários:

Fabiane Daz disse...

Adorei o texto, é de uma leitura gostosa!!.. E amor é assim mesmo, complicado e intenso!! Abraço

Jefferson Reis disse...

E é por este motivo que não falo eu te amo pra qualquer um. Hoje em dia o conceito de amar está totalmente defasado e em dois dias uma pessoa já está amando a outra.

Jéssica disse...

Brigada fabi!
E sim, o conceito de amor está defasado, é como vem sendo dito por ai, eu te amo não é bom dia.

Only Myself disse...

Nossa adorei seu blog e essa frase "Amo sim, amo assim, meio torto, meio errado, meio não correspondido, meio sem sentido" perfeita.O amor é assim meio torto, meio não correspondido, sem sentido...Amei vou te seguir.
Acabei de fazer meu blog e se quiser visitar:
http://viverdefantaisa.blogspot.com

Jéssica disse...

ouun only, brigada *-* vou olhar

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...